Quarta, 17 de Outubro de 2018
Imposto sindical pode, mas só para sindicatos do patrões Postado em: 3 ago 2018

Governo Temer  repassa 16,5 bilhões por ano  para o sistema S, que sustenta sindicatos patronais  

Os jornais Estadão e Folha de São Paulo, que apoiaram o golpe e a reforma trabalhista, na  edição de 27 de julho,  publicaram reportagens informando  que a Receita Federal arrecadou em 2017 o total de 16,5 bilhões  de reais para sustentar o Sistema S ( Sesi, Senai, Sesc), controlado pelos patrões .

Mas parte desse dinheiro é entregue , cerca de 5% , para confederações e  federações patronais, a titulo de contratos de gestão desse sistema. Esse  dinheiro sustenta  esses sindicatos do patrão!

Essas confederações e federações patronais  apoiaram a reforma trabalhista. Agora fica claro porque eles acabaram com a contribuição sindical descontada dos trabalhadores.

É para enfraquecer os sindicatos de trabalhadores e com isso facilitar a precarização dos direitos trabalhistas!

Que pais é este? É o pais da injustiça, da desigualdade, do ódio contra os sindicatos de trabalhadores.

Patrões, governo e Judiciário  se unem para escravizar  os  trabalhadores. Vamos dar um basta nisso! Fortaleça seu sindicato, fique sócio!

Fonte: Sindvestuario de Guarulhos