Sexta, 4 de Dezembro de 2020
Centrais Sindicais serão recebidas por Dilma nesta quarta Postado em: 12 mar 2012

Na ocasião, os representantes dos trabalhadores prometem cobrar da chefe de Estado maior empenho no atendimento das demandas dos movimentos sociais.

Além de debater aspectos da conjuntura econômica e política associados às lutas sociais, como o projeto de lei que pune com multas a discriminação salarial contra mulheres nas empresas, eles vão reiterar a defesa das bandeiras unitárias do sindicalismo nacional aprovadas pela Conferência Nacional da Classe Trabalhadora (Conclat), que reuniu cerca de 30 mil lideranças sindicais no estádio do Pacaembu em 1º de junho de 2010.

A pauta inclui:

• Mudanças na política econômica – reduzir os juros e conquistar o desenvolvimento com valorização do trabalho, distribuição de renda e fortalecimento do mercado interno;
• Redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais sem redução de salários;
• Fim do fator previdenciário;
• Regulamentação da terceirização para garantir os direitos dos trabalhadores;
• Ratificação da Convenção 158 da OIT para combater a rotatividade da mão de obra;
• Regulamentação da Convenção 151 da OIT, pelo direito de organização e negociação coletiva dos servidores públicos;
• Reforma agrária e fortalecimento da agricultura familiar;
• Reforma urbana;
• 10% do pré-sal para educação;
• Pela democratização da mídia;
• Valorização das aposentadorias;
• Defesa da soberania e autodeterminação dos povos.

Fonte: CTB